Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Na Web, pequenos já podem enfrentar os grandes e vencer

Imagem
Com a massificação de acesso e interatividade, a maré está para peixe, principalmente os pequenos. Eles têm a vantagem de trazer novos conceitos, serem mais ágeis, não hesitam em errar e se adaptam rápido, com uma enorme energia para gastar.

Os melhores negócios se fazem assim, com idéias apaixonantes, que movem pessoas e equipes como peixes e cardumes.

Ou seja, estamos falando do motor principal para as empresas, que fará diferença na internet. Não é capital ou investimento ou tamanho, mas a força vital de fazer, realizar, empreender, buscando trabalho e vida melhor com prazer e paixão.


Este sentimento está no ambiente da grande rede e pode servir de lição para todos. Assim surgiram empresas como Google, Twitter e outras. Empreendedorismo é também uma paixão e não faltam empresários brasileiros bens sucedidos com criatividade e ousadia.

Siga os conselhos abaixo para profissionais, empresas isntituições e projetos marcarem território na web e se fazer mais visível:

1 – Mergulhe, nade:…

Processos criativos: criar mais e melhor

Imagem
Criativos somos todos. Os pequenos saltos da evolução vieram de momentos insanos, em que resolvemos fazer algo diferente. Assim, os macacos pelados acabaram conseguindo correr, navegar, voar até viajar ao espaço. Só não nos entendemos muito bem com a Mãe Terra, mas ainda temos chance de consertar isso.

As ideais estão por aí, disponíveis para todos. Individualmente, ou  coletivamente, abra um espaço para elas.  Basta arriscar, novas soluções e formas não só nos processos artísticos/funcionais/elaborativos,  mas na própria vida.

Processos criativos tem algo de parto, e nunca se sabe na hora  o que vai aparecer primeiro, a cauda ou a cabeça do bicho.

Pode ser rápido, imperceptível ou chegar como um caminhão te atropelando.  Ideias surgem assim, instantâneamente, como um sonho caído no chão.
Seja como for, não perca a chance.  Rabisque, grave, desenhe, anote, fotografe. Não pense.

Ninguém é dono  das ideias. Elas tem vida própria e cabe a nós apenas entender o que querem dizer. Elas tem…

E COMO FICA A CABEÇA DE QUEM TRABALHA COM MÍDIAS SOCIAIS?

Imagem
Imagine um carro de corrida em velocidade estonteante em uma reta, sinta-se em águas profundas investigando áreas obscuras, entenda o medo e a leveza do seu corpo caindo em um salto de paraquedas, imagine a excitação do cientista testando uma nova fórmula, sofra a angústia de um artista diante da tela em branco, imagine tudo isso ao mesmo tempo e mais alguma coisa.

Esta pode ser uma imagem exagerada dos profissionais que trabalham na web com comunicação, mídias e redes sociais, Mas talvez seja assim mesmo em alguns momentos.

Envolve criação, planejamento, monitoramento, reação, versatilidade e tudo que pode acontecer instantâneamente na web: os riscos, desafios e aprendizado desta arena digital.

Para se adaptar bem a tudo isso a cabeça tem que estar pronta para atuar em 7 níveis :

1) Produtor – Como um bom agricultor, saber semear e gerar bom conteúdo, mantendo o público fiel e interessado.

2) Aglutinador – Ter espírito de união, conseguir trabalhar em equipe para render mais. Puxar …