Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

A Tecnologia que Invade nossos Corpos

Imagem
Imagine um alienígena criando uma cópia perfeita sua e tomando seu lugar. Esta ideia surgiu em um livro e gerou um filme  chamado Invasion of  the Body Snatchers / Invasores de Corpos, que já teve três versões nos últimos 50 anos.
Na história uma espécie de outro planeta em forma de planta domina silenciosamente a Terra. Enquanto as pessoas dormem o alienígena se conecta aos corpos inertes, gera uma forma idêntica  e no dia seguinte assume sua identidade.
Na vida real parece que vivemos algo parecido: estamos sendo virtualizados e invadidos pela tecnologia.
No toque dos dedos, nos olhos, reconhecimento de voz,  atendentes virtuais, na correção de texto, no controle de nossas agendas. Tudo passa a ser digital, memória, expressões, relacionamentos.
Um smartphone já  assume quase tudo por nós; câmeras, agendas, contatos, listas,  alarmes, dicionários, mapas, fora  dezenas de aplicativos  que requisitam cada vez  mais nossa atenção.
Resolvemos cada vez mais as coisas on line e menos ao v…

Imagens, Memória e a era do Euspetáculo

Imagem
Desde o tempo das cavernas as imagens nas paredes sempre nos quiseram dizer coisas.

A fotografia foi uma evolução natural de capturar momentos e significados. 
Antigamente índios evitavam ser fotografadas para que não roubassem suas almas.
A  intenção das fotos sempre foi mesma a de parar o tempo,  revelar emoções e registrar uma faísca de vida, de sentimentos, pessoas ou acontecimentos.
Junto com as câmeras e equipamentos evoluímos para cores e movimentos.  O cinema nunca deixou de ser uma projeção acelerada de fotogramas, e agora filmamos com facilidade e rapidez.

Das revelações em chapa, filmes e polaroides, chegamos à era digital dos celulares e instantâneos na rede social via instagram e outros. Filmamos tudo, fotografamos tudo.
Se antes vivíamos os acontecimentos e depois os guardávamos e os revivíamos em álbuns, agora ultrapassamos isso. Vivemos e fotografamos o momento, no mesmo instante.  Ou até antes. O que gera até uma certa angústia digital.
Temos que compartilhar em segu…